Veja no vídeo como funciona o sistema de criptografia do WhatsApp e entenda por que a empresa diz que não é capaz de oferecer à justiça brasileira os dados que ela demanda: